Amizade: homens x mulheres

janeiro 17, 2008 at 11:11 am 6 comentários

Nas últimas duas semanas participei de uma ação de levantamento de dados sobre as rodovias baianas aqui pelo trabalho, quando tive a oportunidade de rodar bastante, medir faixas de domínio, fazer anotações e pensar. Sim, sentado ali no banco de trás da caminhonete, com a paisagem do Pólo Petroquímico à margem, tive o tempo e o silêncio necessários para fazer minhas anotações e refletir um pouquinho sobre as coisas da vida.

E eu sou o tipo de pessoa que procura achar no passado as respostas para o presente – mesmo que seja num passado dos mais longínquos. Partindo dessas premissas, eu já havia descoberto o porquê das mulheres falarem tão alto e terem uma voz estridente e desconfortável. Trata-se de uma defesa natural da fêmea capaz de afastar das suas crias os predadores ou alertar o macho de que há perigo no “ninho”, fazendo com que ele retorne. Pena que essa função se perdeu entre as fêmeas do homo sapiens contemporâneo, que agora usam sua voz alta e estridente para enlouquecer o macho.

Mas voltando à questão das rodovias, cheguei a uma outra conclusão interessante enquanto viajava: o porquê da amizade entre homens ser mais sincera e intensa que a amizade entre mulheres. Ora, isso é mais do que óbvio – grupos de homens são muito mais frequentes e harmônicos: nós estamos sempre juntos bebendo, jogando cartas, praticando esportes e etc. Com as mulheres isso não acontece tanto e ainda há uma certa disputa entre os pares femininos – menos unidos e menos leais.

Novamente raciocinei historicamente (e pre-historicamente): ora, desde os primórdios que os homens saem em grupos para caçar, guerrear e etc. Depois celebram juntos a caça e as vitórias: bebem e comemoram. As mulheres não; sempre se dedicaram ao trabalho doméstico, isoladas umas das outras e, portanto, ainda não tiveram a oportunidade de desenvolver plenamente esse espírito de grupo.

asterix_11.jpg

Uma vez concluído este raciocínio, acordei do meu devaneio e retornei às atividades laborais de anotação e medição. Essas conclusões me deixaram um pouco mais satisfeito com a vida, pois sempre tive muitos amigos: geralmente gangues essencialmente masculinas – companheiros leais para todas as horas, com os quais posso me divertir, xingar, beber e arrotar sem ser repreendido.

Nada contra as mulheres: eu as adoro e até casei com uma. Por outro lado, nos meus devaneios diários eu comemoro: ainda bem que nasci homem!

Anúncios

Entry filed under: Cultura, História.

O melhor solo dos últimos anos! (Slash) Festival de Verão Salvador

6 Comentários Add your own

  • 1. KK  |  janeiro 17, 2008 às 12:48 pm

    Querido amigo Lú!

    Devo concordar com o raciocínio histórico a respeito da lealdade e união masculina, mas não podemos nos esquecer das mulheres-cabra-macho, aquelas guerreiras, sem frescuras e retadas (como eu, por exemplo, hihihihihi).

    Tais mulheres, geralmente com a inteligência acima da média (modestamente, claro) costumam se unir bastante. Tenho amigas que formam verdadeiras confrarias… e há um lema secreto entre nós… “vão-se-os-anéis, ficam-os-dedos”… numa feliz apologia aos homens de nossas vidas… que vem e vão, muitas vezes numa facilidade enorme. Jamais valerá a pena trocar uma amiga-de-fé por qualquer cueca.

    O universo feminino é muito mais complexo, admito… mas não somos menos “sindicalizadas” que a população masculina, basta que o objetivo seja justo!

    Você já acompanhou um grupo de mulheres na 25 de março?
    Você já passou a tarde no salão de beleza com alguma dupla ou trio feminino?
    Você já enfrentou uma loja entupida de descontos e sapatos?
    Você já pegou uma resenha com alguma querida que tenha sido traída pelo namorado?
    Essas coisas deviam ser vivenciadas pelos homens… e não é futilidade não! Você me conhece e sabe que eu não sou nem um pouco fútil… mas certos momentos, como acompanhar uma amiga ao shopping pode ser muito mais do que uma simples facada no cartão de crédito. Observe!

    Beijosssssss

    Ah! Já ia me esquecendo… e melhor que amizade homemxhomem – mulherxmulher é amizade homem + mulher. Tenho certeza que vc se casou com a sua melhor amiga assim como eu me casei com o meu melhor amigo! 😉

    Responder
  • 2. Marcos  |  janeiro 17, 2008 às 2:39 pm

    Você está certa, sobretudo quando se refere a si e às suas amigas, que são nobres exceções. Esses grupos femininos existem sim, mas são menos numerosos que os chachaceiros e jogadores de baba homens, por exemplo – além de serem mais recentes. As coisas estão sempre evoluíndo. Mas você não conta. Você é a exceção da exceção – e por isso que é uma grande amiga minha, como se fosse um dos meus melhores amigos homens (no bom sentido, é claro :)).

    Beijocas!

    Responder
  • 3. Gabeira  |  janeiro 17, 2008 às 4:44 pm

    Marcão, tb te considero da mesma forma que considero meus amigos homens, uhauahauhauhauhauahuahauha.

    Brincadeira, meu velho. É a maresia instalada no trabalho que só serve de estopim pra eu ficar pensando em besteira, hahahahahahahaha.

    Responder
  • 4. Marcos  |  janeiro 18, 2008 às 11:02 am

    Porra, Gabeira. É por isso que tô com menos amigos (e primos também). Faz um blog para matar o tempo, ehehe.

    Responder
  • 5. dr. João Borzino  |  julho 1, 2009 às 5:32 pm

    Gostei!
    abçs,
    dr. João Borzino
    blogdosexologista.blogspot.com

    Responder
  • 6. Marcos  |  julho 1, 2009 às 7:52 pm

    Caro dr. João.

    Obrigado pela visita e elogios.

    Abs.

    Responder

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Trackback this post  |  Subscribe to the comments via RSS Feed


Agenda

janeiro 2008
S T Q Q S S D
« dez   fev »
 123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
28293031  

Most Recent Posts


%d blogueiros gostam disto: